RAVE

























RAVE
Antônio Diamantino

Embaladas em psicodélicas batidas
Caleidoscópicas figuras
Elétricas, vivas
Irradiam a essência do meu ser
E me curam todas as feridas.


Micropontilhados em sensações sublimes
Visionários, crentes em algo indizível
Caminhemos pelo céu com os pés na lama
Numa lógica aparentemente insana
Abrem-se pálpebras
Cílios
No full on surgido
De um olho a mais


Óvinis, andróides, malabaristas
Artistas, beldades, alcalóides
Caleidoscópica matéria infinda
Visões de perfeita sintonia
Entre o ente que pedala e a Shiva,
Na orbita psíquica dos sentidos.


Fritemos meus amores
Dancemos aos sabores 
Com paixão, volúpia e êxtase
Inebriados nesse ritmo de transe
Psicodélico transe
Psy
Psy
Trance!!!!!!!!!!
Thumm, Tssss, THummm
Tsss, Thum, tsss.................

1 comentários:

16 de março de 2010 11:05 Ana Paula Duarte disse...

Viva Tom!
Que conseguiu reproduzir com riqueza de detalhes, sensações e...Não me contive!Faltam elogios!
Sem mais.

Postar um comentário