E agora Ederval?


Sabemos o quanto nosso colega Ederval Fernandes é fã do futebol dos "meninos do Santos", mas agora com essa tormenta que ronda a Vila de Pelé e cia, venda de André, contusão de Ganso e a arrogância de Neymar, queria saber que nosso nobre comentarista está a achar de tudo isso.



O Santos Futebol Clube, Bi campeão mundial e da libertadoes, Octacampeão nacional (5 taça Brasil, 2 Brasileiro e 1 Copa do Brasil) acaba de demitir um dos melhores treinadores de sua história devido ao Moleque Neymar. Todos sabemos do fatos, o dito craque Neymar fez o que quis e o que não quis e ao entrar em choque com o Treinador, que passou a mão na cabeça muitas vezes (Será mesmo?), mais vez decidiu o destino do Santos. Depois de piruetas, xingamentos contra o Ceará, Neymar foi colocado no pedestal como defensor do futebol arte contra a truculência dos marcadores brutos, mas três dias depois vimos sua verdadeira faceta, de um moleque de 18 anos que acha que é o novo Pelé, mas não é.

A palavras do treinado adversário, Renê Simões, foram lúcidas "Nós precisamos educar esse garoto, se não ele se transformará num monstro". O povo de Santos levantou suas faixas colocando que o Santos é maior que Neymar, e parecia que a direção Santista ia no caminho certo ao puni-lo com o seu afastamento do grupo, mas parece que essa última, por algum motivo ainda não revelado, voltou atrás e escolheu seu algoz, o treinador Dorival Junior, que foi demitido no dia de hoje.

Há pouco tempo Neymar quase foi vendido ao Chelsea-ING, mas a direção Santista fez a melhor coisa para ela e para o próprio, pois com certeza quando este pisasse em gramados ingleses teria  mesmo fim de outro Santista de temperamento parecido, mas que parece ter mudado depois do fiasco de tentar ser o melhor do mundo. Essa transação seria de valores nunca antes visto no Brasil, e como o mesmo é divido entre o clube e um grupo empresarial, a cabeça do menino encheu demais e subiu os egos de um garoto de 18 anos.

Agora fica nossa questão, e agora Ederval, o que será do Santos, Neymar, Dorival, e do Futebol Arte? Para mim, ele nunca enganou, é um bom jogador, mas craque é outra coisa. Esse é o problema de tantos que se empolgam fácil, assim foi em 2002, quando esquecemos Diego para se iludir com Robinho e agora parece que estamos esquecendo o verdadeiro craque, camisa 10, Ganso e nos iludindo com Neymar.

3 comentários:

22 de setembro de 2010 13:48 DSL disse...

E agora, Paulão? Ederval Fernandes deve ser alçado de jornalista a profeta, messias, visionário, posto ele ter respondido antes mesmo da pergunta ser formulada? Ou a insistência na pergunta é por que a resposta foi julgada insatisfatória? Ou, ainda, foi apenas uma atrapalhação editorial?

22 de setembro de 2010 13:51 Daniel Oliveira disse...

Dorival Jr. um dos melhores técnicos do Santos? Nunca.

22 de setembro de 2010 14:40 Paulo Moraes disse...

Salve Lara

Não atrapalhação, mas uma coincidência interessante, pois quando pensei e comecei a escrever este texto foi quando soube da demissão de Dorival Jr e parei a pensar; que será que Ederval está a pensar sobre isso? Então entrei no site da Transa Revista e lá estava o texto de Uyatã sobre a questão da obrigatoriedade do voto. Então escrevi e postei, quando para minha surpresa também existia já um texto de Ederval recém postado, e sobre mesma temática.
Coisas da Transa Revista...

Postar um comentário